NOTÍCIA

12/11/2012

Exercícios

Quer cuidar do coração? Mexa-se

 Uma das atitudes mais importante para quem quer cuidar do coração é começar a praticar exercícios.

Segundo uma pesquisa recente (em que apenas homens foram testados), bastam três semanas de dieta saudável e exercícios para o risco de doenças cardíacas começar a cair. Isso porque essa combinação diminui a pressão sanguínea e as taxas de colesterol.

 Então, mexa-se! Já é hora de dar ouvidos àqueles amigos que vivem insistindo para que você se matricule em uma academia. Exercitando-se você relaxa, melhora sua pressão arterial e queima calorias - protegendo seu coração, entre outros problemas, do colesterol.

 Mas não é preciso virar atleta: mesmo mudanças pequenas no dia-a-dia (subir escadas em vez de elevador, andar a pé quando for possível dispensar o carro, aposentar o controle remoto) já te ajudam a adquirir, aos poucos, o bom hábito dos exercícios.

 Dicas de exercícios

 Sim, você está com pressa. Mas começar a pegar pesado nos exercícios físicos logo de cara não vai te trazer benefícios: é bem capaz de você passar o verão tratando de lesões em sessões de fisioterapia.

 Por isso, se você é sedentário e quer agora começar a treinar, vá com calma. A progressão de qualquer treino deve ser lenta. Já ouviu o ditado devagar se vai ao longe? Nesse caso, com certeza, funciona.

Nesta primeira semana de contagem regressiva para o verão, o que você precisa fazer é se habituar aos exercícios físicos. Comece com coisa simples: troque o elevador pela escada e, se possível, o carro pela bicicleta. Aposente o controle remoto. Isto tudo vai servir para que você comece a abandonar hábitos sedentários.

 Para iniciar a rotina de exercícios, escolha três dias intercalados e faça uma caminhada curta, em ritmo confortável, de vinte minutos. Com isso, você já vai começar a melhorar seu condicionamento físico, se sentir menos cansado e mais disposto.

 Já que nas próximas semanas vamos começar com os treinos, aproveite estes dias para agendar uma consulta com seu médico - é essencial passar por uma avaliação física antes de começar a praticar exercícios físicos. Isso é especialmente importante se você tiver mais de 35 anos, algum problema cardiovascular ou nas articulações.

 O mais importante agora é ter duas coisas em mente: respeitar sempre seus limites e não desistir. Com calma e perseverança, quando você menos esperar exercitar-se já terá se transformado em rotina.